Popular Post

Posted by : Euphimea sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Um ano se passou...
Meu mundo girava em volta de Castiel agora. Ele era tudo pra mim no mundo, o único que me compreendia, que estava do meu lado, que poderia confiar completamente. Quando Chantilly soube quase morreu. Ela gritou tanto e ficou branca deixando-me muito sem graça:
- Como?! Você me traiu! Era para você ficar com o Jade-chan! Você traiu a Jenna!
- A gente não manda no coração, Chantilly.
- Jenna! O quê você acha disso?  - ela estava no mundo da lua pensando em Leigh. Quem respondeu foi Candy:
- A Jê-chan está ocupada pensando no Leigh.
- Aaaahh! É o fim do mundo!
Eu ignorei os gritos dela e fui para a escola puxando Jê que estava no mundo da lua. Fomos andando pelos quarteirões até que avisto um cabelo verde cacheado vindo em nossa direção. Eu parei e a Jê voltou a si:
- O que foi Euphi?
Eu congelei ao ver Jade vindo em nossa direção com um sobretudo marrom e as mãos nos bolsos. Ela olhou para onde eu olhava e percebeu. Disse que ia na frente, pois tinhamos muito o que conversar. Eu não conseguia sair do lugar e levei minha mão fechada no peito sobre o coração. Aquele sentimento que eu tinha não existia mais, era para eu está feliz?. O sentimento agora era medo. Tinha medo de machucá-lo e dele pensar mau de mim. Chantilly disse:
- Olha o que você irá dizer pra ele!
Quando estava bem perto levantou a cabeça. Não me reconheceu por eu está de cabelo curto, mas reconheceu Chantilly:
- E-euphi? É você?
Eu não consegui responde, apenas abaixei os olhos e em um impulso ele me abraçou com força morrendo de saudade me derrubando no chão, cai sentada. Ele ficou sentado sobre os calcanhares enquato me esmagava com aquele abraço.
- Que saudade de você Euphi!
Eu não disse nada, apenas o abracei de volta. Chantilly foi ter uma conversa particular com Cream. O que eu poderia falar com Jade? Fiquei procurando em minha mente o que falar para ele, porém não conseguia parecia que tinha visto um fantásma. Depois do abraço Jade segurou meu rosto e me beijou, nem isso eu consegui corresponder, do choque que eu levei.
- Euphi? Você está bem?
- E-estou. - respondi gaguejanto lutando contra aquilo tudo. Ele achou muito estranho e  levantando-se estendeu a mão para eu levantar.
- Achei que você ficaria feliz em me ver. - disse desapontado.
- Claro... também tenho saudade de você. - nem menti conseguia.
Não respondi o que ele queria e então me beijou de novo. Novamente não reagir, deixando ele tocar minha boca. Olhou nos meus olhos e percebeu que eu estava assustada, então indagou:
- Tem algo errado e você não quer me falar, não é ?
- É-é. - gaguejei de novo. Não queria que me perguntasse mais. Então ele me segurou na mão dizendo brincando:
- A surpresa de me ver foi tão grande que está até sem fala, né Euphi?! Vem... eu lhe acompanho até a escola para passar mais algum tempo com você.
E fomos de mãos dadas. Eu procurei loucamente por uma resposta para dá para ele. Eu tinha que avisar antes que fosse tarde demais:
- Jade-senpai... - pela primeira vez o chamei assim na sua frente e ele se assustou com isso e já imaginou que não seria coisa boa. - Eu tenho uma coisa para lhe dizer com urgência...
- Pode falar Euphi... estou ouvindo.
Quando chegamos no portão da escola, petrifiquei de novo. Castiel com roupas mais esportivas e menos roqueiras estava parado encostado no muro com o pé apoiado,  de braços crusados e olhos fechados. Sua cabeça levemente inclinada fazia seus cabelos cobri a metade do rosto. Jade estranhou eu parar subtamente tão longe do portão. Levei novamente a minha mão fechada no coração que pulava pela boca. Queria largar a mão de Jade, mas não conseguia.
- O que está havendo, Euphi-chan?
Ao ouvi meu nome, Castiel levantou a cabeça e abriu os olhos de uma vez nos encarando como se fosse um tigre que iria dar um salto para abater a presa, então disse com o seu habitual mau humor:
- Solte a mão da minha namorada! - aquilo foi um rosnado e a sua aura de hostilidade enegreceu tudo em volta.
Jade ficou chocado e confuso. Não esperava por isso. Se eu estivesse namorando Nathaniel ou qualquer outro menino tudo bem, mas Castiel... foi demais para ele. Então ironisou:
- Sua namorada? Desde quando? - pra que ele disse aquilo. Está encomendando a sua morte? Castiel deixou o muro e se aproximou o encarando com o seu andar de tigre que se esgueira sobre a grama alta. Pegou-me pelo braço e puxou para o seu lado ficando face a face, (inclivelmente perto), com Jade e disse:
- Ela é minha namorada desde sempre, ou o senhor desaparecido não sabe disso?
- Prefiro que a Euphi-chan diga.
Pronto, era o que eu não queria ouvir. Os dois gigantes de 1.80m se incaravam como dois pitbulls ferozes prestes a se morder. Então Castiel perguntou:
- Você ainda não disse para esse mané que está namorando comigo?
- E-eu estava tentando antes de lhe encontrar.
Castiel me pegou pela mão quase me derrubando e me colocando entre eles para que eu respondesse. Para provocá-lo ainda mais deslisou os braços pelo meu pescoço dando um abraço por trás, encostando o queixo na minha cabeça.
- Jade-senpai... desculpe... eu... estou namorando com Castiel-kun.
Ele ficou sem acreditar. Não era possível que eu o tinha escolhido com tantos garotos no colégio e  Jade protestou:
- Está brincando né, Euphimea? Você foi forçada a namorar com ele? Castiel sabe de alguma coisa e para não dizer nada você topou a namorar com ele? É alguma chantagem?
Castiel estremesseu atrás de mim, endureçando os musculos e sua respiração ficou pesada então disse com a voz alterada de fúror:
- Euphi, explica direito para esse jardineiro, pois eu acho que ele não entendeu. Seus neurônios não estão funcionando muito bem hoje. Explica, pois fiz uma promessa a você de não acertar a cara dele, se não tivesse feito eu iria enfiar a cara dele na minha mão!
Jade deu um passo para trás recuando com a ameaça, não era de brigar, mas se precisasse, brigaria. Então ele falou mal de Castiel na minha cara deixando-me furiosa.
- O que você viu nesse ogro? Ele nem sabe o que é a palavra educação! Só trogloditas agem por impulso não tem inteligencia para resolver as coisas no diálogo.
- Você chamou o Castiel-kun de quê? - indaguei em um rosnado. Castiel me soltou dando um passo para trás, pois queria assistir o que eu iria fazer. Quando ele saiu dei uma rápida olhanda para ele e vi seu sorriso maldoso no rosto e abraçou a si mesmo em um cruzar de braços. Aquela situação chamou a atenção dos alunos. Nathaniel veio apressado e parou há um metro de nós preparado pra apartar qualquer briga. Jade assustou-se com o que eu comecei a dizer em furia ignorando qualquer sentimento dele por mim, ignorando que iria machucá-lo:
- Eu sinto muito Jade-senpai, mas o Castiel-kun não é nada disso que você disse. Tudo bem que as vezes ele pode ser grosso, rude, ignorante, sarcástico e um idiota completo...
- Pô Euphi... fica denegrino a minha imagem?! - indagou um pouco aborrecido comigo. Dei uma leve olhada por cima dos ambros e o vi com os braços levemente abertos numa certa ameaça. Ignormando os seus protestos continuei:
- ... Mas apesar disso tudo ele é uma pessoa maravilhosa. - me posicionei de lado para ver a reação dele que também era de espanto. Voltou a abraçar a si mesmo e eu continuei depois da pausa: Olha Jade-senpai... eu me apaixonei por ele não sei como. Castiel-kun é aquela pessoa que você pode contar, que é gentil, que lhe ajuda quanto mais você precisa, mas para isso você precisa confiar nele... precisa acreditar que dentro dessa ostra impermeável existe uma pérola. Jade-senpai, eu lhe amava, eu confesso com todas as letras, porém depois que você foi embora... eu não o culpo por isso... mas Castiel-kun foi o meu salvador. Ele me protegeu, me ouviu, me apoiou, me entendeu, parece que estamos em uma sintonia tão perfeita que eu nem preciso dizer nada que ele já sabe... e a cima de tudo...
Abri a minha bolsa para pegar o colar que carregava, aquele que ele me deu no dia dos namorados e mantinha comigo até o dia em que eu o encontraria para devolver. Segurei a sua mão e coloquei-o no centro de sua palma, terminando a frase: - Ele sempre esteve do meu lado nos momentos felizes e tristes. Ele me faz rir e me faz chorar. Mesmo nesse turbilão de emoções eu o amo muito.
Então eu fechei a mão de Jade com o cordão e disse: Dê para alguém que seja merecedora do seu coração e que esteje disposta a lhe esperar.
Ele estava com os olhos umidos e eu virei-me entrando na escola. Castiel pegou a minha mão nesse momento e entrou comigo com um sorriso de vitória no rosto. Passou por Nathaniel deu dois tapas em seu ombro e disse inclinando um pouco: - Isso serviu para você também...
Nathaniel fechou a cara e eu continuei andando com Castiel do meu lado todo exibido. As meninas que gostavam dele só faltaram morrer. E fiquei repedindo em pensamentos:
- Perdão Jade... se eu parti o seu coração... mas fui forçada a dizer o que você não queria ouvir.
Quando chegamos no corredor, Castiel andou mais a frente me puxando para a  sala de aula de teatro, porém permanecia trancada. Cumprimentou Lysandre que estava de braços dados com a Anny:
- E ai?  - seu sorriso era enorme. Eles sorriram de volta, mas não falaram nada. E fomos para a biblioteca até o fundo do corredor. Ele me empurrou para dentro da ala e me beijou segurando meu rosto. Seu beijo era puramente sedutor e ao mesmo tempo apaixonado. Depois me abraçou com seu abraço esmagador. Eu também tentei esmagá-lo apertando a sua cintura com os meus braços.
- Linda! - exclamou ele feliz. Quando parou e olhou me longamente. Encará-lo por um longo tempo fazia-me constranger e corar. Ficou face a  face comigo e disse: I love you.  Beijou-me de novo, dessa vez bem de vagar. De repente parou e disse: Desculpe Euphi...
Eu não entendi, pegou no meu rosto e inclinou minha cabeça de lado avançando com os lábios no meu pescoço do lado direito e com isso o beijou. Corei novamente, mas aquele beijo doeu um pouco dando a me entender que ele me deu um chupão. Eu tenho raiva de chupões, todo mundo fica lhe olhando e lhe zoando depois.
- Tenho que marcar o que é meu. - nem ouvi o que ele disse e tratei logo de pegar um espelho na bolsa para ver a marca. Foi no finzinho do pescoço, porém pequena do tamanho da ponta do meu indicador. Era visível, mas ele me respeitou em não ter dado um grande. Mesmo assim eu argumentei:
- Você precisa deixar de ser tão inseguro. - mas a sua linguinha afiada não deixou por menos.
- Se fosse comigo. Tendo um monte de mulher a minha volta... aliás que é verdade e eu desse bola para todas elas. - fiz cara de ciúme e ele sorriu dizendo:
- Tá vendo. Agora vamos para não perdemos a aula!
Eu fiquei chocada. "Nós"? Ele disse "nós"? Como assim? Ele é a pessoa que mais mata aula na escola, nem o Ly que vive com ele mata tanto assim. Achei muito estranho, mas não quis dizer nada. Entramos na sala de mãos dadas e Nathaniel já fechou a cara. Castiel me conduziu ao meu lugar de costume e sentou atrás de mim, pois do meu lado, Jenna já estava sentada. Até os professores ficaram surpresos com essa sua mudança brusca de atitude. Olhei-o por cima do ombro e ele pegou o caderno que quase não anotava nada e caneta ficando todo concentrando.
- Algum problema? - perguntou ao me ver olhando. Levantei os olhos e sorri meio sem graça:
- Nada não, Castiel-kun.
Na hora do intervalo para a surpresa das meninas a nossa rodinha teria o Castiel. Anny com Ly, Kelly com Alex, Carol com Armin e as demais sozinhas por canta que seus namorados não são da escola. Perguntei onde estava a Aikka. Disseram-me que ela estava na sala de representantes conversando com Nathaniel. Alguma das meninas ficaram desconfortáveis com Castiel na roda.
- Gente, calma. Agora ele é o meu namorado.
Jenna continuava a pensar no Leigh e nem estava dando muita bola para nós, ainda bem, pois eu não queria que ela sofresse. A Anny começou a zoar com o meu chupão:
- Hum... vocês estão tão quentes! Euphi tá de chupão.
Eu corei e virei a cara, Castiel sorriu e brincou:
- Tenho que defender o que é meu, não acham?
- É verdade, mas a Kellynha não deixa eu fazer isso. - brincou Alex dando um beijo no pescoço dela a deixando morta de vergonha.
- Mas... precisa haver respeito. - disse Lysandre.
- E quem disse que eu não a respeito! - rosnou Castiel para o amigo que nem se assustou, estava acostumado com o seu jeito.
- É que... chupão para uma moça é algo vergonhoso.
- E eu não sei? Eu até pedi desculpas.
- Tudo bem Ly. - falei tentando fazer Castiel parar de se sentir culpado. - Eu que deixo os outros rapazes se aproveitarem de mim.
Então um silêncio dominou o lugar, Castiel passou o braço pelos meus ombros para que o meu sentimento de culpa diminuísse um pouco. Ninguém queria mais fofocar por causa do novo integrante do grupo. Por isso Castiel resmungou:
- Que chatice... da próxima vez eu e Ly vamos cantar.
- É uma boa ideia! - exclamou Kelly feliz.
- Show de graça! - comemorou a Nina.  

Deletei os outros episódios escritos por Gaby, me desculpe, mas Castiel me implorou para continuar essa fic. U.U Então irei voltar a escrevê-la e reescrevê-la.

http://ensinameamar.blogspot.com.br/



{ 42 comentários... read them below or Comment }

  1. DESCULPE MAS...nem parece a euphi q fez os capitulos passados tudo começou a mudar no capitulo 12.
    buaa buaa JADEEEE,NATH BUAA BUAA

    ResponderExcluir
  2. o blog voltouuuuuuuuuuuuuuu,ebaaaaaaaaaaaa



    EUPHI DESCULPE PELAS MINHA CRITICAS VC E A MELHOR SOU SUA FÃ NUMERO 1!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. poxa euphi tadinho do jade :(, todo mundo vai ser feliz menos ele coitadinho, eu nao estou critando mas eu acho que ele nao devia sofrer.
    ah e eu chorei quando comecei a ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos combinar que xingou o Castiel, mas ele vai ser feliz. No RPG ninguém escolheu ele ainda.

      Excluir
    2. eh tem razão ele não devia xingar o Cast, mas tadinha da Chantilly, eu fiquei com pena dela e a Jenna no mundo da lua, ops do leigh.

      Excluir
    3. Euphimea , queria continuar postando sera que vc me deicharia : chantylada@hotmail.com , quero muitooo continuar !!!

      Excluir
    4. Como vc vai fazer? Vai escreve e me mandar por email? Mas eu não amo mais o Castiel. As meninas Caroll, Tati e Linda sumiram do jogo, nem conversam mais.
      Não suporto msn, desculpe.

      Excluir
  4. Ownns... Esse capítulo foi muito kawaii! *u*
    Só fiquei com um pouco de pena do Jade. Mas o Cast-kun realmente fica melhor com a Euphi. u-u
    Finalmente você voltou a postar, hein? Tava morrendo de saudade da sua Fic!
    Concordo com a Butterfly, de todas as Fics de Amor Doce que já li (e olha que foram muitas), essa é definitivamente a melhor.
    Tô ansiosa pelo próximo capítulo! *-*
    Kissu ;3

    ResponderExcluir
  5. Quando sai o próximo Cap, Euphi? *o*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vai sair, estou sem tempo. É muita gente para eu tomar conta, por isso que eu fiz o RPG da fic.

      Excluir
    2. Ah, ok... Entendo.
      Bem, ainda assim você está de parabéns pela Fic. Foi realmente muito bem feita. ^^

      Excluir
  6. Eu odeio Nat com todas as minhas forças! Grrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr >.<
    Ah, levei 2 fora do Nat hoje! Tô furiosa com ele! Grr.....
    Objetivo, pergunte para Nat se pode passar o tempo com ele.
    Eu: O q vc faz aqui?
    Nath: Na praia é para tomar banho de mar, não acha Euphi.
    Eu: Ah, claro. E está fazendo alguma coisa.
    Nath: Estou acompanhando minha irmã, só vim por causa dela.
    Eu: Bem, perguntei só por perguntar, já que vc apareceu.
    Nath: Antigamente você tinha mais assuntos Euphi.
    Eu: ...
    Nath: Há, há só estava brincando. (sorrisinho na cara)
    Eu: ¬¬ Babaca! (Arranha depois assopra!)
    Depois dessa ainda encontro com a vassoura com patas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda tem gente que gosta dele, é cega mesmo. ¬¬

      Excluir
    2. Pois é... Eu tive o AZAR de encontrar justo ele no epi 9, ao invés do meu querido Lys-fofo. ¬¬"
      Eu chego lá, falo com ele, e o que ele faz?
      Me dá coices. --"
      Meu loveô tá super baixo com ele, e a tendencia é só piorar. Não tô com a mínima vontade de agradar esse idiota. u.ú
      "Vassoura com patas"
      LoL.
      Mas sério, man... Porque JUSTO ele?! e_e

      Excluir
    3. Agora ele quer que eu compre sorvete para a irmã dele! É mole! Eu preciso do meu dinheiro para gastar na loja do Leigh com roupas! U.U É mais útil!

      Excluir
    4. Fala sério... --'
      Esse epi com o Nathaniel não podia ser mais problemático... Agora eu tenho que "ir encontrar Ambre para tranquilizar Nathaniel"
      Por mim os dois que se explodam! Eu deveria estar fazendo o epi com o Lysandre, mas não... Tenho que aguentar o idiota e o "Flamingo Rosa" - Como diria o Castiel. XD
      O Leigh é outro ingrato! Eu ajudei ele com a namorada dele! QUERO DESCONTO! OwÓ"

      Excluir
    5. Se vc for gentil com o Dake, ele vai acabar com o Nat e a Ambre! Como a vingança é doce!

      Excluir
    6. Sério? *u*
      Eu nunca fui muito com a cara do Dake, mas vou para qualquer lugar com ele para me livrar do Nathaniel e da Ambrega... -.-

      Excluir
  7. Eu até agora não sei como a minha amiga AMA o Nathaniel. Ele é a coisa mais sem sal do univeeeerso!! O que eu não entendo é que todas as meninas da minha sala que jogam preferem o Loiro-Aguado!! >.< O Nathaniel também ficou me dando coices na praia. Babaca ¬¬. O lado bom desse episodio é que o Castiel deu uma lambina no meu sorvete *u*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acho que nesse anime a Euphimea deveria ter dado um tabefe que ficasse marca ¬¬

      Excluir
  8. Euphi não deleta esse blog eu continuo pra vc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que vai ser uma boa a miss gaby continuar . '-'

      Excluir
  9. AI, EU QUERO SER DO JADE! PODE ME POR NA FIC????

    ResponderExcluir
  10. Coloque sua ficha aqui e a imagem da sua docete.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nome: Kushynna Haiashy
      Idade: 16
      características: Alta, magra, cabelo preto com algumas mechas vermelhas olhos vermelhos, pélida
      Gosta: Filmes de terror e qualquer coisa que assuste. Rockeira
      Faz par com: Jade
      curiosidades: Já matou pessoas com uma katana
      (a imagem da minha docete é a minha imagem de perfil)


      Excluir
  11. Awn Euphi, não poderia receber notícia melhor! Nem acredito que você vai voltar a escrever a fic!!! Eu surtei em silêncio quando você desativou o blog hahaha Nem preciso dizer que eu amava/amo essa fic, né? Você é uma ótima escritora, sua fic é um sucesso. Uma das minhas preferidas. Eu já li e reli vários capítulos, me emociono muito com seus textos, você passa uma coisa muito forte. Não sei explicar. Eu imagino tudinho na minha mente! Tem todo o meu apoio pra continuar. Aguardo ansiosa a volta da sua fic. Beijos princesa.

    ResponderExcluir
  12. Para continuar a fica agora só depende de vocês. Preciso de pessoas para fazer par com os rapazes.

    ResponderExcluir
  13. AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!VAI VOLTAR!!!E TO DOIDA OU ELA VAI VOLTAR MESMO?

    HORA DE IR AO PSICOLOGO!
    NÃO ESTOU AGUENTANDO VOU TER UM INFARTE!

    ResponderExcluir
  14. Ai, eu quero participar *u* Por onde mando minha ficha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nome: Naomi Hamaguchi
      Idade: 17
      Descrição: Cabelos negros, alta, magra, branca e tem olhos acizentados. É amiga, conselheira e gosta de ajudar.
      Faz par com: Nicholas

      Necessita de imagem?

      Excluir
    2. Não sei como mandar por aqui a imagem, só abrir o meu perfil que é a mesma que está lá. ^^

      Excluir
  15. UHUUUUUUUUUULLLLLLLLLL vai voltar escrever ebaaaaaaaaaaaaa !!!

    ResponderExcluir
  16. então não vai se importa se eu publicar essa fic no face não é ;3

    ResponderExcluir
  17. vc tem td o meu apoio tbm pra continua, msm q a gent tn q espalha trexos por ai pra muitas meninas se interessarem e vc continua, mas não pode para a fic! Euphi-sama-sensei, vc não pode abondonar essa história, ta muito interessante!

    ResponderExcluir
  18. quando encontrei essa fic, no começo não me interessei muito, mas depois d lê um pok gostei muito, to lendo td dia dsd entao, vc pode nota pelos horários e dias dos meus comentários, viciei na fic, vc é uma grande escritora!

    ResponderExcluir
  19. to lok pra le +, faz dias q entro esperando continuaçam, necessito da tua história!

    ResponderExcluir

Por favor não me cobrem quando irei postar.
E por favor respeitem as opiniões e não comentem coisas que podem ser construtivas, pois elas soam como critica.
Obs: Essa ideia é protegida pela lei 9610 de 19/02/1998, qualquer cópia ou rescrição da mesma como plágio, repete a punição conforme consta em lei.
Ou seja, eu sou a criadora, eu sou a única dona.

- Copyright © Amour Glacé - Date A Live - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -